Um dia - Resenha


Você pode passar a vida inteira sem perceber que aquilo que procura está bem na sua frente




Nome: Um dia.

Autor: David Nicholls.

Gênero: Romance.

Editora: Intrínseca.

Páginas: 416



15 de Julho de 1988. Emma e Dexter se conhecem na noite de festa de formatura. Amanhã eles seguirão caminhos deferentes. Mas onde estarão nesse mesmo dia um ano depois? E nos anos que se seguirem?



Dexter é o garanhão, que fica famoso ao apresentar um programa de TV e depois começa a passar por problemas em relação ao trabalho. Durante a sua trajetória, divide tudo com Emma, sua melhor amiga. É aquele personagem que você pensa "mas que babaca, só quer se aproveitar dela (Emma)" mas ao decorrer do livro, o seu pensamento muda e começa a ficar irritada com Emma. 

Emma uma jovem tímida, porém, nada santa. Se torna uma mulher bem decidida e com planos totalmente diferente de Dexter. Ela quer ser professora, ter uma família e sempre se irrita com os planos de Dexter. 


Emma e Dexter são aqueles tipo de casal que você ama e odeia ao mesmo tempo. A amizade deles é maravilhosa, a paixão proibida ( eles mesmo botaram), as reviravoltas fazem a gente se apaixonar mais pelo livro. David Nicholls foi espetacular na história. 



Eu me identifiquei muito com a personagem Emma. Muitos não gostam do livro pelo fato de eles demorarem tanto pra ficar juntos etc. Mas, isso é pra mostrar que quando é amor mesmo, não importa o tempo que demora, ainda terá uma linda história de amor. 









Comentários